4 passos para você abrir o coração para o amor

Atualizado: Jul 21

1º passo: Esqueça os preconceitos e paradigmas

Aqueles que dizem que a mulher que transa na primeira noite é vagabunda, a que beija vários homens numa só noite é fácil demais, a que se casa virgem é a ideal para toda a vida, que os homens não passam de mentirosos, que os homens não são capazes de amar, etc. Passamos por fases na vida iguais as deles (festas, micaretas e viagens de férias aos 18 anos), então, por que eles podem aproveitar ao máximo e as mulheres não?

Os paradigmas mudam muito de uma geração para a seguinte, e isso gera muita confusão na cabeça das mulheres, que pensam muito sobre isso e tentam seguir um. Nossos valores influenciados pela cultura, pela família, pela religião e blá blá blá, mas dependem unicamente daquilo que decidimos e sentimos em relação a todas essas influências.

2º passo: Não pense muito

O cara é diferente, tem uma energia maravilhosa, você está de férias numa cidade paradisíaca e nem vai vê-lo novamente tão cedo, ou então está numa festa, ele a trata como se fosse uma rainha e você não está muito a fim de compromisso. Você acabou de conhecê-lo e tem certeza de que vale muito a pena curtir uma noite de amor com ele, então, não pense muito.


Não pense no que ele está pensando, não pense no ontem, nem no que vai acontecer no dia seguinte. Não pense no que seus pais diriam, no que suas amigas vão pensar de você. Não pense no que ele está falando, até porque os homens não falam muito nessas horas e o que ele disser pode apenas ser um papinho para enrolá-la. Não pense em seus sonhos de menina de um mundo cor-de-rosa. Não pense em como está habituada a fazer ou se está em um lugar confortável ou não.

Se tiver preconceitos, paradigmas e valores que julga normal ou não uma situação para a sociedade, mas esquecem o que é natural para o ser humano, esqueça-os para não se julgar depois.


Ou então, dispense esta noite de amor. A vontade do coração é maior: deixar o coração falar mais alto também é uma escolha; você pode reprimir seus sentimentos e não ouvir o seu coração, mas não vai deixar de sentir amor. E quando você tem de amar, você ama. E se ele tiver de amar você, irá amá-la. É por isso que dizem que “o amor tem razões que a própria razão desconhece”. Isso explica por que homens amam prostitutas e se casam com elas, mesmo que elas não larguem profissão. Quer prova maior para o que estou dizendo?


3º passo: Apenas sinta

Sinta o beijo, o toque, as mãos dele passando pelo seu corpo, o cheiro (suspiro só de pensar que tem cada homem que só o cheirinho, principalmente aquele que se sente perto da boca, o cheiro da pele já me excita). Sinta a vibração das palavras, a verdade nos olhos dele, a respiração, o calor do corpo. Sinta o clima, a música. Sinta o universo conspirando a seu favor. Sinta o cheiro do lugar, a magia do ar. Todos os lugares e momentos são mágicos, se assim você quiser.

4º passo: Faça

Faça o que tiver vontade de fazer. Se quiser beijar, beije. Se quiser transar no minuto seguinte, transe. Não se segure, o pior sentimento do mundo é o arrependimento de não ter feito algo. Mas, também, se não quiser, não transe. Se quiser só umas brincadeirinhas, então, apenas brinque.

Amor ou sexo selvagem, não importa como você gosta de fazer, apenas faça. Não pense que não há amor no sexo selvagem, porque há. Entregue-se de verdade, dê o melhor de si, para a sua satisfação, se deseja conquistá-lo. A ação é o que dá vida e movimento àquilo que se sente. É a melhor parte, depois de você se entregar aos mandamentos e desejos do coração. Seja você mesma e aproveite.

Esses passos valem, tanto quando se quer amar alguém ou apenas curtir o momento. O importante é que, o que quer que você sinta, vai ser muito mais intenso a ponto de ficar gravado na sua memória. É só você decidir e se deixar levar pelo coração do início ao fim.

Tudo depende de como você sente, de como você decide seduzi-lo, do que decide dizer e fazer, de como quer viver esse momento. Só tenha cuidado para não enganar o coração e transar só para prender o cara ou apenas porque achou-o um gato. Muito menos para testá-lo e observá-lo, até porque quem lhe escreve já fez isso por você.


Como especialista em sexualidade eu atendo dúvidas sobre:

identidade de gênero, orientação sexual, autoestima e disfunções e inadequações sexuais, de segunda a sábado on line e você pode me procurar no sexsencia@yahoo.com.


Conheça também os cursos que ministro no https://www.sexsencia.com.br/cursos-e-treinamentos e meus livros no https://www.sexsencia.com.br/copia-meus-livros


Ah! Me acompanhe também nas redes sociais, no Instagram estou como @sexsencia e @mariannakisskiss e no youtube.com/sexsencia.


#passosparaoamor #passosparaosexo #amoresexo #sexocasual #paixao


Eu fico por aqui, gratidão por me ler, cópula a tergo e muita intumescência para o seu dia.

Marianna Kiss


Photo by Dainis Graveris on Unsplash

0 visualização
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now