• Sexsência

A primeira vez

Por Daniel Mattoso


Olá Sexsencers,


a minha coluna de hoje vai falar sobre as primeiras vezes no cinema. Para começar, houve uma explosão de filmes de comédia sobre a primeira iniciação sexual nos anos 80.

Era muito comum termos filmes onde a prerrogativa era de jovens do ensino médio terem a sua primeira vez. E para isso, sempre acontecem situações engraçadíssimas.


Um dos mais famosos, é o “Mischief”, algo como travessura, que aqui ficou conhecido como “A primeira transa de Jonathan”. O filme é de 1985, mas é passado nos anos 50 e narra a história do introvertido Jonathan que é apaixonado por Marilyn, vivida pela linda e saudosa Kelly Preston. Mas, apesar do título brasileiro focar na primeira vez – que realmente acontece – e é apenas um momento, a narrativa principal foca no relacionamento do protagonista com o amigo rebelde Gene. E, é este amigo que rouba a cena, ora ensinando Jonathan a ser mais confiante para conquistar o coração da amiga de Marilyn, Bunny, ora desafiando o valentão da escola com corridas de carros e muita valentia típica dos anos 50. Um dos filmes deliciosos, e típicos de TV.


Já outro que gosto muito, se trata do “Um show de vizinha”. Este é de 2004 e pega sucesso na beleza da atriz de “24 horas”, Elisha Cuthberg. A história fala sobre Mathew, um nerd que começa a paquerar a vizinha e percebe que ela é mais do que aparenta: seus amigos descobrem que é uma atriz pornô. O ponto alto do filme, na minha opinião, é ver que, apesar dos dois terem a mesma idade, Daniele é extremamente mais desenvolvida, preparada para a vida, enquanto Mathew vai se desenvolvendo ao longo da projeção. O longa ainda conta com os ótimos Timothy Olyphant e Paul Dano.


Contudo, é impossível falar de primeira vez e não lembrar do mais famoso filme sobre o assunto. “American Pie”, que ganhou o título de “A primeira vez é inesquecível”, é um daqueles filmes que não ficam velhos nunca. Se trata de uma das melhores comédias de todos os tempos, pois reúne, num mesmo filme, sexo, família, jovens, um elenco formidável e ainda, cenas hilárias. Jim é um rapaz virgem e o fio condutor dos filmes. O título do filme é devido a uma cena em que, ao perguntar ao amigo mais garanhão, como é uma vagina, ele ouve que é como uma torta. E é com ela que Jim escolhe ter relações sexuais quando é flagrado por seu pai, ícone da série.


Foto de divulgação



O filme ganhou diversas continuações e é dividido em duas frentes: os filmes lançados para o cinema, são o com elenco principal: “American Pie”, “American Pie 2 – a segunda vez é ainda melhor”, “American Pie 3 – o casamento” e “American Pie 4 – o reencontro” – este último é o melhor da continuação. Já os lançados diretamente para DVD, são títulos que carregam o nome, mas não tem nenhum ator dos originais, apenas o pai do Jim como uma espécie de tutor. São focados em um irmão do Stifler – marca dos filmes. Há poucos dias, foi disponibilizado para aluguel digital o mais novo filme dessa segunda franquia chamado “American Pie – Girls Rules”, algo como “Mulheres no comando”, onde o foco são quatro protagonistas femininas. E uma delas é uma “Stifler”. Se trata de um filme divertido onde há piadas sexuais, mas falha muito em colocar as mulheres no papel do ‘comando’, sendo mais um filme como muitos que já vimos por aí. Ah, e uma das meninas tem a sua primeira vez no filme no mais estilo desastroso “American Pie” de ser.

Então, se a sua primeira vez tiver de ser inesquecível, então que você possa ver filmes de comédia e dar boas risadas no final das contas.

0 visualização

Quanto o nosso conteúdo modificou a sua vida?

A Equipe Sexsência é composta por 6 profissionais que dão seu máximo para a produção de conteúdo nas redes sociais, nas matérias da revista e na produção das lives com entrevistados. 

Nós trabalhamos de forma colaborativa e sem pro labore. 

Apoie o nosso trabalho para que continuemos levando a você conteúdo de qualidade com muita criatividade. Basta apontar o leitor de QR Code de seu celular para contribuições pontuais ou escolha nosso crowdfunding mensal. 

© 2020 by Sexsência

Crowdfunding

Em breve