Muros

Atualizado: Jun 17

Tenho ouvido muitas reclamações sobre como o medo impede um amor de acontecer.

No início da minha carreira como consultora em sexualidade eu pensei que isso fizesse parte apenas da realidade feminina, pois as reclamações sobre homens com medo de viver um novo relacionamento devido a traumas passados eram em listas. E as desculpas eram das mais diversas tendo como a mais comum da lista: “eu acabei de sair de um relacionamento de nove anos e não estou preparado para recomeçar”.


Com o público LGBT eu me dei conta que os muros impostos não dependiam da sexualidade e se espalhavam como um vírus. Um vírus maligno impregnado de uma generalização do ser humano como se todos fossem iguais.

Eu pensei que a comunidade LGBT se permitia mais ao amor, pois na minha cabeça, eles lutavam tanto e diariamente por direitos e respeito ao seu espaço na sociedade que quando o assunto era relacionamento, havia mais segurança. Mas não. As lástimas de um coração assolam homens e mulheres tanto héteros como homossexuais. Passei então a observar mais os porquês de términos ou a falta de coragem para tentar uma nova relação. E para todas eu tenho apenas uma resposta: muros.


Os muros são construídos em torno de si ou por defesa para não ser magoado novamente ou pelo puro medo de enfrentar o desconhecido. Ambas as sensações são pura e simplesmente falsas e só servem para desencorajar o potencial amor que deseja conquistar seu coração. A defesa é baseada em traumas passados, entretanto, sem fundamento, pois as pessoas não são iguais e o que você viveu ou sofreu com um relacionamento não vai se repetir com o próximo. Já o medo você sente quando já se encontra apaixonado pelo outro. E com ambos, ao mesmo tempo em que você constrói muros altos e impossíveis de serem escalados, também destrói um caminho lindo de felicidade.



Há diversas outras desculpas como falta de tempo ou o fato do outro não se enquadrar no seu perfil de companheiro ideal, assim com há incontáveis formas de você se “auto sabotar” para evitar o novo amor. Em todas as situações você finca no seu jardim uma placa de não pise e afasta de vez a borboleta que poderia voar sobre ele e colori-lo ainda mais. Ou pior, vai passar uma impressão super errada sobre você e seus sentimentos à pessoa que pode ser a tal certa que apareceu na hora certa... E em seguida o que você faz? NADA... Pois o tempo já passou e a oportunidade foi embora.


Trabalhe o seu medo... Quando ele aparecer pense nas boas possibilidades que podem surgir com esse novo amor... Caso não consiga, tente ficar calado. O silêncio é o melhor caminho quando você tem dúvidas. Você não precisa escolher na hora e com os tijolos que você tem ao seu redor, construa uma casa para vocês ficarem juntos e não haverá muro que os separará.


Marianna Kiss


Foto de Cassie Matias


#prazeranal

#cudoi

#penetracaoanal

#chucaanal

#educacaosexual

#sexualidade

#sexo

#amoesexo

#mariannakiss

#sexsencia

#clitoris

#diamundialdosexo

#comoestimularoclitoris

#69

#sexooral

#sexoanal

#sexovaginal

#orgasmo

#comofazersexo

#sonharcomsexo

#frasesdesexo

#frasesdeautoestima

#tiposdesexualidade

#sexologia

#oqueesexualidade

#comoaumentarsuaautoestima

#penetracao

#tamanhodepenis

#bdsm

#masturbacao

#sacanagem

#musicasdeamoreoutrassacanagens

#nerdsparamulheres

#comoserumamulhersolteira

#expertemprazerfeminino

#pompoarismo

#bigdickidolatration

#smallpenishumilhation

0 visualização
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now